Brazil

Posição da Governança da Informação nas organizações

  • 1.  Posição da Governança da Informação nas organizações

    Posted 02-20-2020 14:17

    Quem tem as competências da Governança da Informação na sua instituição?

    Eu costumo ver isso ser englobado pela TI, mas gostaria de ouvir de vocês. Pergunto porque consegui conscientizar a direção a criar um Núcleo de Governança da Informação, ou da Gestão de Documentos e da Informação. Agora estou estudando formas de propor as competências sem invadir ou criar conflito com a Superintendência de TI.



    ------------------------------
    Vitor Machado
    Profissional da Informação | Unifesp
    ------------------------------


  • 2.  RE: Posição da Governança da Informação nas organizações

    Posted 02-21-2020 08:16
    Olá Vitor,
    Esta dúvida só está estabelecida porque acho que negligenciamos o alcance dos termos "informação" e "tecnologia".
    O alcance destes termos separados dá uma ideia do que se está falando quando adotamos uma Governança. A informação (termo que ainda suscita muita discussão nos meios acadêmicos) parece não ter existência própria - sempre vai depender de um vetor que seja percebido por um receptor. Assim, é provável que a voz e os gestos tenham sido os primeiros vetores da informação, seguidas pelas pinturas rupestres, o couro, a pedra e mais tarde, o papel e, por último, o processamento digital.
    Já a tecnologia, provavelmente contemporânea da humanidade, aproveitou-se desta nova habilidade humana de persistir a informação: assim, transformar uma pedra em arma, chocar pedras para produzir faísca e, por último, construir artefatos poderosos capazes de processar muita informação foram algumas das características marcantes da tecnologia. Tamanha sua importância que se discute se nossa raça teria sobrevivido sem ela.
    Minha impressão é que a velocidade que a tecnologia digital imprimiu à informação, sufocou (e está sufocando) a academia que não teve tempo de reação para produzir e divulgar conceitos a respeito da tecnologia da informação. Esta falta de conceitos nos jogou num turbilhão de decisões erradas, por exemplo, uma segregação, no mínimo irracional, da unidade de tecnologia nas organizações; só para ilustrar, temos organizações que instituíram carreiras específicas desta área, o governo federal tem um orçamento distinto para a as aquisições e os serviços de tecnologia e por aí vai.
    Só recentemente algumas empresas acordaram para o problema e passaram a tratar a tecnologia como sendo um suporte destinado a melhorar o fluxo da informação, emprestando a ela a segurança, o inter-relacionamento, a persistência, a integridade e a velocidade, tudo voltado aos seus objetivos de negócio e não mais um fim em si mesmo.
    Construir uma governança da informação nesta perspectiva deve garantir vida longa ao trabalho porque não estará sujeita às constantes variações e novidades tecnológicas: afinal, as organizações sempre serão dependentes do binômio tecnologia e informação.
    Grande abraço.

    Wesley

    ------------------------------
    Wesley Alves Machado
    Mr.
    General Administration Coordinator
    RA XXIV - Park Way
    ------------------------------



  • 3.  RE: Posição da Governança da Informação nas organizações

    Posted 02-28-2020 17:31

    Acredito que a equipe de TI aqui ganhou importância na gestão porque essa demanda existia e os tomadores de decisão viram na TI uma escolha natural na ausência de qualquer outra representação oriunda de profissionais da informação. De um corpo de mais de 5000 funcionários, 3 são profissionais da informação (Arquivistas).

    Concordo com o que disse, o foco nos métodos e nas práticas sobrepondo as soluções tecnológicas é, talvez, a única forma de desenvolver uma iniciativa sustentável. Uma vez que poucos empreendimentos ganham apoio dos tomadores de decisão se não demonstrarem resultados a curto e médio prazo.



    ------------------------------
    Vitor Machado
    unifesp
    ------------------------------